5 histórias reais de crianças que foram criadas por animais

A maneira como educar uma criança é fundamental para seu desenvolvimento como pessoa. Seus primeiros anos fazem toda a diferença de como ela será e crescerá, e ainda como irá se comportar o resto de sua vida. A infância é importante e significativa e é a base do que uma pessoa será e se comporta com a sociedade.

Quando a criança não tem uma infância feliz, e é criada de maneira errada, isso refletirá no futuro e atrapalha seu desenvolvimento como pessoa.

Essas histórias são a prova disso…

Essas cinco crianças abaixo, foram criadas em circunstâncias diferentes da maioria das crianças. Não tiveram contato com os seres humanos, e foram criados por animais.

Confira as histórias reais dessas crianças:

1) Marina Chapman: quando Marina tinha apenas 5 anos de idade, foi sequestrada e abandonada em uma floresta. Lá, ela acabou vivendo com macacos que a ensinaram a como sobreviver. Anos depois, ela foi encontrada por alguns caçadores, que a venderam  venderam para um bordel na cidade de Cúcuta. Ela conseguiu escapar, e depois ser adotada por uma família colombiana. Hoje, ela é casada e tem duas filhas.

2) Vanya Yudin: o pequeno Vanya Yudin, também não teve uma infância normal. Criado como um pássaro, sua mãe nunca falou com ele, e durante muitos anos ele vivia como um animal de estimação, até mesmo comendo o que os pássaros comem. Durante 7 anos de sua vida, ele viveu em um pequeno apartamento com dois quartos que tinha centenas de pássaros. Ele não sabia falar, e se comunicava como se fosse um pássaro. Quando foi encontrado, sua mãe assinou uma espécie de abdicação que rejeitava o menino, renunciando sua custódia.

3) Oxana Malaya: quando ela tinha apenas 3 anos de idade, seus pais que eram alcoólicos simplesmente à abandonaram. Sozinha, e com pouca idade, ela acabou parando em um galpão de cachorros. Lá, ela comeu os restos de comidas que os animais deixavam, e com o tempo acabou sendo parte da matilha. Depois de 5 anos, ela foi encontrada por uma vizinha, que chamou a polícia. Depois de anos ela já não sabia falar nada, e se movia como um cachorro, com quatro patas. Hoje ela tem 34 anos, mas ainda tem a capacidade mental de uma criança de 6 anos. Seu conviveu com a sociedade é quase impossível, vivendo atualmente em uma casa de deficientes mentais.

4) John Ssebunya: John é um menino de Uganda e foi criado por macacos. Quando ele tinha apenas dois anos de idade, sua mãe foi assassinada, e ele acabou fugindo e parando na floresta. Lá, encontrou uma família de macacos que viveu durante 3 anos, ensinando-o a sobreviver. Depois ele foi encontrado por uma tribo, que tentou levar o menino embora, mas foi impedido pelos macacos, que atiravam pedras. Tempos depois eles conseguiram levar o menino pra um refúgio cristão. Mesmo depois conseguindo aprender a falar, ele se recusava a se juntar a sociedade. Em uma entrevista, John declarou que sua casa é a selva, que é o único lugar que ele se sente seguro.

5) Marcos Rodriguez Pantoja: este espanhol, conhecido como o “homem lobo”, morava com os lobos de 7 a 19 anos. Seu pai que era muito pobre, acabou vendendo o menino com 7 anos a um homem rico. O homem rico, também acabou vendendo o menino para um homem que cuidava de cabras, que vivia em um lugar muito isolado, e que o ensinou a sobreviver na região selvagem. Porém, o homem que já era velho, acabou morrendo, deixando Marcos sozinho em um lugar isolado. Marcos encontrou alguns lobos para brincar e a mãe do lobo, quando voltou, lambeu-o, marcando-o como parte da matilha. Até os 19 anos, ele morou com os lobos, e quando foi encontrado pela polícia, mesmo sabendo falar, pois tinha vivido até os 7 anos com humanos, ele não conseguia mais conviver com humanos. Marco ainda pode imitar as chamadas de vários animais e diz que a vida com os lobos era melhor, porque se alguém estivesse com fome, ele poderia procurar comida, enquanto isso a sociedade é governada pelo dinheiro. Até hoje, Marcos não se sente inteiramente em casa na sociedade. Ele diz que na vida selvagem é simples, se você quer peixe, você pega, se você quer carne, você caça. Mas na sociedade, sem dinheiro você não é nada.

 


Gostou? então deixe seu like!